Navegação:  Tópicos da Ajuda > Módulos auxiliares > Gerador de arquivos fiscais >

Ajuda - Solução GDOOR PRO

 
GFiscal - Sintegra

cab_gfiscal


Página Anterior Retornar ao Tópico Principal Próxima Página

       Nesta tela será gerado o arquivo do Sintegra, conforme Convênio ICMS 57/95. As opções para geração estão divididas em quadros para melhor organização e entendimento. Há também um link para download da versão mais recente do Validador Sintegra.

 

gfiscal14_inicio


Volta para a tela inicial.

gfiscal14_sair


Fecha o programa.

gfiscal14_ajustar_banco


Analisa e ajusta o banco de dados para deixá-lo pronto para a geração dos arquivos fiscais.


No quadro Registros estão organizadas todas as opções de registros disponíveis para geração no arquivo Sintegra:


gfiscal14_sintegra_tela_registros

gfiscal14_sintegra_tela_registros_10        Estes registros são obrigatórios em todos os arquivos e são gerados automaticamente.
REGISTRO 10: "Mestre do Estabelecimento - Identificação do Estabelecimento informante". É o registro que identifica a empresa contribuinte, possui dados como CNPJ, IE, e Razão Social do estabelecimento informante, que serão buscados no cadastro do Emitente.

REGISTRO 11: "Dados complementares do informante". É o registro obrigatório a todo e qualquer arquivo do Sintegra, e contém dados complementares sobre a quem pertence aquele arquivo, como Telefone, Bairro, e CEP do estabelecimento informante. Estes dados serão buscados no cadastro do Emitente.

REGISTRO 75: "Código de Produto e Serviço". Registro de todos os códigos de produtos ou serviços mencionados em registros anteriores, sendo obrigatório para informar as condições do produto/serviço, codificado de acordo com o sistema de controle de estoque/emissão de nota fiscal utilizado pelo contribuinte.

REGISTRO 90: "Totalização do arquivo". Destinado a fornecer dados indicando a quantidade de registros, totalizando cada tipo de registro e o total de linhas do arquivo.

 

gfiscal14_sintegra_tela_registros_50        Opção para geração das informações das notas fiscais de saída e notas fiscais de entradas.  Os dados destes registros são buscados nos módulos de Faturamento e Compras.
Tipo 50 - Notas Fiscais de Entrada e Saída: Os registros tipo 50 contêm os dados das notas fiscais modelos 01, 1A, 04, 06, 21, 22 e 55. Para cada nota serão gerados registros totalizados por CFOP e alíquota.

Exemplo: uma determinada nota possui os produtos listados:

001 - Produto 1 - CFOP: 5102 - ICMS: 17% - R$10,00

002 - Produto 2 - CFOP: 5102 - ICMS: 0% - R$15,00

003 - Produto 3 - CFOP: 5405 - ICMS: 0% - R$20,00

|

|

|

Neste exemplo, serão gerados 3 registros 50: um para o CFOP 5102 e ICMS 17%, outro para o CFOP 5102 e ICMS 0% e outro para o CFOP 5405 e ICMS 0%.

 

Tipo 53 – Notas fiscais de Substituição tributária: Serão gerados os registros 53 referentes às notas mencionadas no registro 50 e que tenham substituição tributária. A geração do registro 53 para as notas de vendas serão feitas para todas as notas que tenham base de cálculo e valor de ICMS de substituição tributária. No caso da nota de compra, é necessário informar o valor da Substituição Tributária para cada item. Consulte na sessão de dicas como fazer os lançamentos de produtos com substituição tributária para as notas de compras.

Tipo 54 - Itens do documento: É o registro dos itens de cada um dos documentos informados no registro 50.

 

gfiscal14_sintegra_tela_registros_51 "Notas fiscais quanto ao IPI". Caso as notas informadas no registro 50 possuam valores de IPI, será gerado um registro 51 para detalhar estes valores.

 

gfiscal14_sintegra_tela_registros_60 "Tipo 60 - Registro destinado a informar as operações e prestações realizadas com os documentos fiscais emitidos por equipamento emissor de cupom fiscal". As informações deste registro são buscadas de todas as vendas feitas pelo Frente de Caixa.
Tipo 60M – Registro Mestre: Contém dados de cada Redução Z emitida no período. Essas informações são gravadas no banco de dados quando a Redução Z é emitida e é de lá  que o GFiscal as busca para a geração deste registro. Em caso de qualquer divergência nos valores, veja o tópico Cadastro de Redução Z.

 
Tipo 60A – Registro Analítico: Gerado juntamente com o registro 60M. Contém dados analíticos da Redução Z, ou seja, o valor acumulado nos totalizadores fiscais. São eles: alíquotas de ICMS e ISS, descontos e cancelamentos.

 
Tipo 60D – Resumo diário ECF: Registro de resumo diário de produto ou serviço registrado em documento fiscal emitido por terminal ponto de venda (PDV) ou equipamento emissor de cupom fiscal (ECF).

 
Tipo 60I – Itens Vendidos ECF: Item (produtos) do documento fiscal emitido por terminal ponto de venda (PDV) ou equipamento emissor de cupom fiscal (ECF).

 
Tipo 60R – Resumo Mensal ECF: Registro de resumo mensal de informação de operações/prestações realizadas com ECF, Registro de Produto ou serviço processado em equipamento emissor de cupom fiscal.

 

gfiscal14_sintegra_tela_registros_61 O Registro 61 é referente às notas Série D, ou modelo 02 registradas pelo sistema de Nota Manual. O registro 61R é o resumo mensal dos itens vendidos nesses documentos.

gfiscal14_sintegra_tela_registros_70 Registro que contém informação sobre o Conhecimentos de Frete recebido juntamente com a Nota de Compra. Para lançamento destes registros consulte o tópico Conhecimento de Frete.

 

gfiscal14_sintegra_tela_registros_74 O 74 é o registro do Inventário físico da empresa, deve ser entregue até no máximo dois meses após a data base. Como geralmente é gerado o inventário do final do período, o inventário deve ser entregue no máximo em fevereiro. Neste quadro é definida a data base para a geração do inventário e o valor sobre qual será calculado o valor total. O inventário do Sintegra é calculado buscando a quantidade atual somando as vendas da data base até a data atual e diminuindo as compras do mesmo período. Não são considerados produtos com destinação 07 - Uso e consumo e produtos inativos.

gfiscal14_sintegra_tela_registros_88 Os registros tipo 88 são registros adicionais com informações não acobertadas pelos demais registros, mas requeridas por alguns estados.

88EAN: Deve ser transmitido mensalmente pelos contribuintes que comercializam ou mantenham em estoque mercadorias/produtos identificados através de código de barras - Número Global de Item Comercial - GTIN (Global Trade Item Number) do Sistema EAN.UCC (European Article Numbering), especialmente, EAN-8, EAN-12, EAN-13 e EAN-14.

88SMS/88SES: Quando marcada esta opção o Sistema irá gerar os registros 88 para o mês Sem Movimentação de Entrada (SME) e Sem Movimentação de Saída (SMS).

88SAPI: Quando marcadas está opção, o sistema irá gerar o Registro tipo 88 para o Sistema de Apuração e Pagamento Informatizado (SAPI).
O registro SP01 buscará informações no registro tipo 60M.
O registro SP02 buscará informações no registro tipo 74 - Inventário.
O registro SP03 buscará informações no registro tipo 50 - Notas Fiscais de Entradas.
O registro SP01 buscará informações no registro tipo 70 - Frete.


 

Opções de geração

 

gfiscal14_sintegra_tela_opcoes  Quadro para marcar opção quando as empresas estão enquadradas no simples e quando nas notas tem produtos isentos.

Simples Nacional - Impostos Zerados: Quando marcada esta opção, não serão destacados impostos nas entradas e nas saídas.

Somente valor em Outras, Isentos zerado: Quando marcada esta opção o Sistema irá gerar os registros isentos das notas de saídas no campo OUTRAS do Sintegra, deixando o campo ISENTO zerado.

gfiscal14_sintegra_tela_finalidade Finalidade da geração do arquivo:

Normal: Geração normal do arquivo. Usada para envio das informações do Sintegra.

Ratificação Total: Substituição total de informações prestadas pelo contribuinte referente ao período.

Ratificação Aditiva: Acréscimo de informação não incluída em arquivos já apresentados.

Desfazimento: Arquivo de informação referente a operações/prestações não efetivadas. Neste caso, o arquivo deverá conter além dos registros tipo 10 e tipo 90, apenas os registros referentes às operações/prestações não efetivadas.

 

gfiscal14_sintegra_tela_cadastros Neste quadro temos as opções de cadastro e conferência de Redução e cadastro de notas manuais série D.

Nota Manual: Abre a tela de cadastro de nota manual para os registros 61 e 61R.

Redução Z: Esta opção mostra a tela de verificação e cadastro de Reduções. Para mais informações, veja o tópico Cadastro de Reduções Z.

Adicionais: Tela para ajuste de códigos de produtos zerados nas vendas, veja mais em Código dos itens.


 

Como gerar e validar o arquivo Sintegra?

       Depois de marcar todos os registros necessários, fazer os cadastrados das Notas Fiscais Série D (caso haja necessidades) e também verificar se todas as Reduções Z estão lançadas corretamente, o arquivo Sintegra já pode ser gerado, para isto pressione o botão "Gerar" na tela principal do GFiscal.

gfiscal14_sintegra_gerar

       Ao clicar no botão "Gerar", destacado acima, será mostrada uma tela para seleção do período para geração do arquivo. Ao clicar no botão "Iniciar", será solicitado o caminho para salvar o arquivo.

gfiscal14_tela_geracao

gfiscal14_assinar_ead Esta opção só deve ser marcada caso seja solicitado por um fiscal do PAF-ECF, pois gera uma assinatura que não é aceita por validador algum.

 

       Durante a geração, o sistema detecta alguns dos erros mais comuns e, ao final, permite a visualização de um log com as inconsistências encontradas e sugere o ajuste:

gfiscal14_sintegra_fim_geracao


Ok - Volta para a tela do Sintegra.

Abrir arquivo - Abre o arquivo gerado com o bloco de notas.

Ver log - Mostra o log de inconsistências na validação.

 
       Para ver um exemplo de arquivo Sintegra gerado pelo GDOOR, clique aqui. Para detalhes sobre o log, acesse o tópico Log de validação.

 

       Depois de gerar o arquivo Sintegra, é possível validar o arquivo para verificar se o mesmo foi aceito ou contém erros. Para fazer esta validação é necessário que o validador Sintegra esteja instalado no computador. Caso o validador não esteja instalado é possível fazer o download do mesmo no Site da Receita (http://www.sintegra.gov.br/download.html). Com o validador instalado, na tela do Gerador Fiscal, na opção de Sintegra clique no botão Validar:

gfiscal14_sintegra_validar

 

       OBS: Caso o software de validação do Sintegra estiver em um diretório diferente do padrão é possível que o GDOOR 2016 não localize o executável responsável, desta forma basta informar o caminho correto do software de validação do Sintegra. Nestes casos ao lado do botão Validar teremos a presença de três pontos, basta clicar e inserir o caminho correto e prosseguir com a validação do arquivo gerado.

 

 

gfiscal14_sintegra_localizar_validador

 

       Com o validador Sintegra aberto, certifique-se de que esteja ativa a guia "Validar", selecione o arquivo e clique no botão "Validar".

 

gfiscal14_sintegra_validador

 

       Para localizar os erros ou advertências do arquivo validado, clique na guia "Críticas". Veremos abaixo tela com erros do arquivo validado:

 

gfiscal14_sintegra_validador_criticas

Nesta tela vemos a descrição dos erros encontrados no arquivo pelo validador Sintegra.

 

1. Número da linha onde a crítica foi encontrada no arquivo.

 

2. Mensagem descritiva da crítica encontrada.

 

3. Tipo de registro com erro.

 

4. Campo do registro que contém erro.

 

       Quando houverem críticas, é possível localizar a fonte do erro identificando a que se refere o registro e o campo.

       Abaixo relação das críticas mais comuns que ocorrem nos arquivos:

 

Quaisquer erros apontados nos registros 10 e 11 são referentes ao cadastro do emitente. Basta ver qual é o campo criticado e ajustar no cadastro do emitente pelo GDOOR.

 

Todas as críticas que se referirem a algum documento específico, terão o mesmo detalhado na parte inferior do validador como destaque na imagem abaixo:

 

gfiscal14_sintegra_validador_criticas_notas

Na imagem está destacado o local do validador que mostra o número do documento, e ao lado, a posição do item a qual se refere. Neste caso, o documento é o 009296, o erro é no item 010.

 

Registro 50 - Inscrição Inválida para UF CNPJ: 00000000000000. Inscrição Estadual do cliente ou fornecedor inválida para UF. Acessando  o endereço do Sintegra (http://www.sintegra.gov.br/), é possível fazer a consulta do CNPJ e obter a Inscrição Estadual, bem como demais dados da empresa. Ajuste os dados no cadastro do cliente ou do fornecedor, depois gere o arquivo novamente.

 

Registro 50 - Este arquivo contém documentos modelo 01 com destinatário sem CNPJ/CPF e com IE ISENTO. O cliente ou fornecedor da nota em questão está sem CNPJ preenchido no cadastro.

 

Registro 54 - Não encontrado registro tipo 50 correspondente. Algum valor ficou gravado incorretamente no banco de dados. Não  significa que os valores da nota estão errados, mas sim, que no banco de dados existe alguma divergência. Identifique o documento a qual se refere a crítica, apague-o e lance-o novamente.

 

Registro 54 - Formato Inválido. Campo: Situação tributária. A crítica no registro 54 indica que se trata de um item de alguma nota. Campo situação tributária indica que o CST/CSOSN no produto lançado na nota está incorreto. Identifique a nota e o item e faça a correção. Geralmente isso ocorre em notas de compra, pois nas saídas, a situação tributária é informada no cadastro e não há como informar dados incorretos.

 

Registro 54 - Registro 54 sem registro tipo 75 correspondente. O produto lançado na nota fiscal não existe no estoque ou o sistema não encontrou o código no estoque. Não é possível apagar ou alterar um código de produto que já tenham movimentação efetuada, se o banco de dados estiver corrompido ou o registro tiver sido apagado diretamente pelo banco, pode acontecer isso.

 

Quaisquer críticas que venham a ocorrem nos registros tipo 60 são corrigidas executando o procedimento de Recuperar Movimentação.